quinta-feira, 3 de maio de 2012

Estacionar no Centro custará mais caro e a FAS receberá menos

A Zona Azul nasceu com duas finalidades: Democratizar o acesso a vagas de estacionamento no Centro de Caxias e ser uma fonte de receita a Fundação de Assistência Social, FAS. Acontece que nos últimos anos a prefeitura está mais interessada nos lucros da empresa que opera o serviço do que nas pessoas mais necessitadas.

Só isso explica a vitória da licitação pela Rek Parking na licitação para a operação do sistema. A proposta ganhadora reduz de 36% para 26%. Ainda haverá aumento do valor por hora que passará a custar R$ 2,00 na chamada Zona Azul e R$ 1,00, a hora, para a recém criada Zona Verde (veja nossa postagem sobre o assunto) e o total de vagas cobradas subirá de 1.900 para 2.400.

Segundo informações da presidente da FAS, o órgão recebe cerca de R$ 90 mil por mês e deverá se manter.  Mesmo a Rek Parking arrecadando mais, o valor repassado a FAS será menor!

A empresa terá que substituir todos os parquimetros por outros mais modernos. A um ano a Rek Parking opera com um contrato emergencial. Em 2008 o Governo Sartori prorrogou o contrato da empresa por mais 5 anos. Uma ação do Ministério Público foi julgada procedente, em 2010, pois o rito correto seria uma nova licitação. Na época o procurador geral do município Lauri Romário da Silva, afirmou que se houvesse uma licitação o valor repassado para a FAS cairia para 15%. Acabou ficando em 26%, mas não seria interessante que um dos critérios para a escolha da empresa vencedora fosse quem garantisse maior valor para o Fundo?

Afinal de contas para quem a Prefeitura deve buscar favorecer, uma empresa privada ou as pessoas que seriam atendidas pela FAS?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com