segunda-feira, 1 de abril de 2013

Caxias, Capital da Curtura

Boa parte dos Pontos de Cultura não saiu do papel até hoje.
Dos poucos que funcionam um deles, o da Zona Sul,
que era coordenado pelo atual CC8 do Samae, Casiano Fontana
(PRP) primeiro a esquerda de pé tem problemas
na prestação de contas
A iniciativa da criação dos Pontos de Cultura, por parte do Ministério da Cultura - MinC, está alavancando a democratização da cultura em todo o território nacional. Mesmo assim, ainda há muito caminho a percorrer no Brasil e em Caxias do Sul.


Os Pontos de Cultura são elos entre a sociedade civil e o Estado que possibilitam o desenvolvimento de ações culturais sustentadas nos princípios da autonomia, protagonismo e empoderamento social.

Caxias tem registrados 10 Pontos de Cultura, que foram implantados há um ano e meio, com o aporte financeiro de R$ 1,8 milhão do MinC para cada um dos pontos. Nesse período, a Prefeitura não foi capaz de colocar em ação o projeto. Um dos Pontos está inadimplente, três estão sem sede, e um sequer começou as atividades.


O convênio entre a Prefeitura e o ministério venceria em março, mas foi prorrogado até maio. O motivo da não atuação dos Pontos é falta de organização. A Secretaria Municipal de Cultura tenta empurrar a culpa para as entidades parceiras, mas a verdade é que se esqueceram que projetos grandiosos e descentralizados como esse requerem dedicação, recursos humanos e acompanhamento constante.

Caxias, Capital da Cultura. Será?

Um comentário:

  1. Ponto de Cultura. Uma boa iniciativa. Porém tem que ser melhor fiscalizado. E o tal de Cassiano Fontana? Já é a segunda dele. E as contas do Carnaval? Agora esta do ponto de cultura. Mas sem problemas, ele fundou um partido que cabe em uma Kombi e garantiu o CC dele.

    Camila Carvalho

    ResponderExcluir

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com