Renato Nunes aceita o desafio é diz qual o vereador é corrupto

O vereador Renato Nunes (PRB) aceitou o desafio feito pelo vereador Jaison Barbosa (PDT) e disse quem ele achava que era o vereador corrupto na Casa. Nunes acusou o vereador do PP Guila Sebben de estar envolvido com corrupção, no caso com a troca de apoio político por cargos no governo. Para provar a sua tese Nunes trouxe um áudio, gravado em um jantar, em 2012, onde Guila aparece dizendo que queria saber o que é melhor para o partido, quais os cargos que iriam ter. "Vender apoio partidário não e corrupção?", questionou Nunes. 

Trechos desse áudio já foram divulgados, durantes as eleições municipais. Na época o atual prefeito, Alceu Barbosa Velho (PDT) apresentava como proposta que lhe apoiasse ganharia um CC8 (veja aqui). 

O assunto retornou a pauta porque na semana passada o vereador Daniel Guerra, também do PRB, disse que vereadores, que foram candidatos a deputado estadual, receberam dinheiro de bancos e por esse motivo queriam ampliar o Refis municipal para essas instituições. Nesse dia Nunes afirmou que havia vereadores corruptos. 

Algo que Nunes não falou é que Guila recebeu R$ 24 mil em doações do seu colega de partido e candidato a deputado federal Jerônimo Goergem. Jerônimo está na lista de investigados da Lava Jato por ser suspeito de recebimento de propina da Petrobras (veja aqui)

Foto: Noele Scur

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mauro Pereira, fiel escudeiro de Eduardo Cunha na Câmara de Deputados

É um absurdo: Lasier Martins arranjou emprego para a namorada na Assembleia Legislativa

TV Caxias terá bens leiloados