Polícia Cívil "descobre" central do jogo do bicho em Caxias

A Delegacia Regional de Polícia Civil, sob o comando do delegado Paulo Roberto Rosa da Silva, desarticulou ontem à tarde o que seria o quartel-general do jogo do bicho no Centro da cidade. Foram apreendidos R$ 28,4 mil em dinheiro, R$ 38.091,50 em cheques e um notebook, além de blocos e cartelas para a realização da contravenção.

O que chama atenção é que o QG da jogatina fica a 100 metros do Palácio da Polícia. Tudo bem que o local era vigiado, tinha câmeras de segurança, mas o jogo do bicho não é algo que acontece de forma escondida em Caxias, ou em qualquer outra cidade. Ao redor do Palácio da Polícia existem vários locais que fazem as apostas. Se algum policial, militar ou cívil, for tomar um café na lancheria ou comprar uma revista na banca irá, fatalmente, encontrar alguém que faz apostas.

Apesar dos policiais, com razão, reclamarem que falta estrutura para executar suas tarefas, situações como essas nos fazem pensar que essa central de contravenção só não caiu porque alguém não deixava isso acontecer.

Esperamos que essa seja a primeira de várias operações e que "os donos do negócio" sejam indiciados, pois alguns desfilam, pela cidade, com pose de cidadãos de bem.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mauro Pereira, fiel escudeiro de Eduardo Cunha na Câmara de Deputados

É um absurdo: Lasier Martins arranjou emprego para a namorada na Assembleia Legislativa

TV Caxias terá bens leiloados