Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2012

João Carlos Berti confirma que estava em jantar onde foi oferecido cargos por apoio

Imagem
O candidato a vice prefeito na chapa de Assis Melo (PCdoB), João Carlos Berti (PPS), admitiu na manhã de hoje, durante o debate com os candidatos a vice na Rádio São Franscico que estava no jantar onde foram gravadas a proposta de cargos por apoio político.

Segundo Berti a atividade aconteceu no salão de festas do apartamento de Alceu Barbosa Velho (PDT) e reuniu representantes de 22 partidos. Segundo ele Alceu teria feito a oferta de no mínimo um CC8 (com valor de R$ 8 mil hoje) para cada partido que participasse da coligação.

Berti disse que ficou indignado com a situação e, por conta disso, abandonou a coligação que fazia parte até o momento. Isso está corroborando a história de Renato Nunes (PRB) e Koiti Tamura (PTC) que falaram no programa de Daneluz na noite de ontem.

Dos 22 partidos, 17 fecharam apoio, e o que parece irão receber um CC8 no caso de vitória de Alceu Barbosa Velho. Três se retiraram e outros 2 iriam se coligar com Alceu mas as direções nacionais intervieram.

Como…

Polenta News adverte: Governo Sartori/Alceu fizeram mal para o Funcionalismo Público

Imagem
Por que o Governo Sartori/Alceu fizeram mal ao funcionalismo municipal?


Porque nunca se viu tanto assédio moral no funcionalismo;Porque o Governo enviou um pacote de leis que alteram a vida funcional dos servidores sem qualquer diálogo com a categoria;Porque mudou a forma de calcular as horas-extras e prejudicou principalmente os servidores de menores salários (que possuem carga horária de 40 horas semanais);Porque não dialogo com os servidores e impõe goela abaixo suas decisões;Porque dobrou o número de CC's na Prefeitura;Porque sobrecarregou os servidores da saúde ao não resolver o problema da greve dos médicos;.Porque criou uma série de cargos que ferem a isonomia no serviço público;Porque a terceirização do serviço público para a iniciativa privada correu solta;

Mais uma denúncia contra Alceu

Imagem
A Frente Popular protocolou na tarde de hoje uma denúncia por abuso de poder econômico por parte dos candidatos Alceu Barbosa Velho (PDT) e Antonio Feldmann (PMDB) e contra o prefeito José Ivo Sartori (PMDB). Segundo nota divulgada pela coligação foi anexado ao processo uma gravação em áudio de uma reunião, na qual Alceu oferece Cargos em Comissão aos representantes dos 17 partidos da coligação Caxias para Todos, em troca de apoio político para a formação de uma ampla base eleitoral que evitasse o segundo turno, em um flagrante processo de negociação e loteamento prévio de cargos políticos e instâncias administrativas do governo municipal.

Na gravação Alceu aparece dizendo: "O negócio só é bom quando beneficia os dois". Na reunião que contava com integrantes dos partidos que compoem a base de apoio a Alceu e outros que não compuseram foi oferecido um CC8 (cargo de maior remuneração na prefeitura abaixo do prefeito e vice) para cada um dos partidos aliados.

Um CC8 é o cargo …

A mídia e Gilmar Mendes pedirão desculpas a Lula?

Imagem
O Ministério Público Federal pediu à Justiça do Distrito Federal, nesta quarta-feira, o arquivamento de investigação aberta para apurar se houve conduta criminosa do ex-presidente Lula durante uma conversa ocorrida com o ministro do STF Gilmar Mendes. Partes do diálogo foram relatadas pela revista Veja, com a versão, confirmada depois pelo ministro de que Lula teria feito pressão, em maio, para tentar adiar o julgamento do "mensalão".

O pedido de investigação foi feito por parlamentares do PSDB, DEM, PPS e PSOL (que turma, eihn), que acusavam Lula de cometer "crimes de coação no curso do processo, tráfico de influência e corrupção ativa".

O Ministério Público, porém, não detectou um pedido específico de Lula a Mendes para atrasar o julgamento do caso. Durante o processo investigatório, o Ministério Público enviou dois pedidos de informação a Gilmar Mendes com questionamentos sobre o episódio. O ministro, porém, não respondeu.

Um professor de jornalismo da UFRGS me …

Vai sobrar alguém?

Imagem
Imagino a pressão que o promotor Rafael Festa está sofrendo nesses dias depois do pedido de cassação das candidaturas de Alceu Barbosa Velho (PDT) e Antonio Feldmann (PMDB). Isso parece se confirmar quando, mesmo dizendo quem agosto desse ano que iria analisar o caso depois das eleições, ele ingressou com um pedido semelhante contra Assis Melo (PCdoB). Essa suspeita, de interferência externa, foi inclusive citada em nossa matéria onde escrevemos:

"É bastante provável que o pedido de impugnação de Alceu Barbosa Velho (PDT) tenha feito com o que o promotor acelerasse a análise desse pedido para não parecer parcial."(leia aqui)
 Agora um novo elemento entra na já tumultuada eleição de Caxias do Sul. O promotor também entrou com um pedido de cassação das candidaturas de Daneluz e Justina, ambos do PT. O motivo seria a existência da "meia nota", ou seja, a prestação de serviço pagos com um valor pela conta da campanha e outro valor "por fora". O Ministério Pú…

Ministros criticam exageros de Joaquim Barbosa

Imagem
Publicado originalmente em Consultor Jurídico.

Por Rafael Baliardo e Rodrigo Haidar “O relator parte de uma premissa de que nesse colegiado, embora de nível muito elevado, todos têm de aderir, talvez cegamente, ao que colocado por Sua Excelência. Isso é muito ruim”. As palavras são do ministro Marco Aurélio, criticando o destempero do relator da Ação Penal 470, o processo do mensalão, ministro Joaquim Barbosa, em relação às divergências colocadas pelo revisor, Ricardo Lewandowski. Marco Aurélio criticou a postura do colega na noite desta quarta-feira (26/9) por conta de discussões travadas em plenário. Relator e revisor voltaram a discutir na retomada da sessão de julgamento do item 6 da denúncia. O ministro Joaquim Barbosa criticou de forma ostensiva as divergências abertas pelo revisor Ricardo Lewandowski, a ponto de os demais ministros terem de intervir. “Policie a sua linguagem, ministro!”, disse o colega Marco Aurélio, ao criticar os ataques do relator ao revisor. Em voto longo, …

Polenta News adverte: Governo Sartori/Alceu fizeram mal para a Cultura

Imagem
Estrearemos uma nova série de postagens que tem como objetivo relembrar os desmandos cometidos pela administração Sartori/Alceu ao longo de oito anos. Nosso objetivo é romper a blindagem que foi feita pela mídia, graças aos R$ 2 milhões em publicadade, e pela cidade de fantasia mostrada na propaganda eleitoral. Aqui só traremos os fatos. O tema de hoje é CULTURA.




Capital da Cultura ou Cultura do Capital - O título de "Capital da Cultura" recebido por Caxias trouxe muita pouca cultura para nossa cidade. Além da propaganda feita pela prefeitura pouca produção cultural foi realmente estimulada em nossa cidade. A cultural popular não foi valorizada, com excessão daquele que havia correligionários do prefeito. Nas artes, na música, na dança, no teatro, nada mudou. A agenda cultural é, cotidianamente, construída atraves de grupos, que sobrevivempor conta própria e apenas ocupam os espaços públicos para suas apresentações. Isso é tão verdade que o bordão foi criado. Caxias do Sul te…

Uma asnice parada no ar

Imagem
Publicado originalmente em Diário Gauche

Esse chargista do jornal Zero Hora é um siderado mental. Ele sequer entendeu o que a presidenta Dilma disse ontem na ONU. Não consegue fazer uma crítica, por mais injusta ou equivocada que fosse. Ele só consegue esse sorvete-na-testa aí acima.

É impossível deduzir o que o energúmeno quer dizer com o desenho. A charge do cara não é. A garatuja não é. Não é nada. Há uma intenção de criticar, de agredir, de diminuir a presidenta Dilma, mas fica no meio do caminho. Há uma asnice parada no ar. Há uma vontade abortada, um propósito impotente, que não se realiza, inconcluso por absoluta incapacidade de haver pensamento no gesto suspenso do desenhista siderado.

O cara aspira a ser burro, mas não consegue. Ele se projeta para a burrice, mas esta o rejeita. Falta-lhe habilitação para asno. Ele chegou no prefácio do curso da asnice, e foi rejeitado. Compreendemos e nos apiedamos dele.

Agora é Assis Melo que pode ter a candidatura cassada

Imagem
O site do Jornal Folha de Caxias divulgou a poucos instantes que o promotor eleitoral, Rafael Festa, entrou com um pedido de impugnação da candidatura de Assis Melo (PCdoB) e de seu vice João Carlos Berti (PPS). Ele pede a cassação dos registros e, caso eleitos, a cassação dos diplomas.

A argumentação é de uso indevido da estrutura do sindicato, abuso de poder político e de autoridade e ausência de desincompatibilização de fato da entidade. Presidente licenciado do Sindicato dos Metalúrgicos, Assis participou de assembleias da entidade nos dias 10 e 12 de julho, nas empresas Progás e Marcopolo e 21 de julho na frente da sede do sindicato, quando o índice de reajuste salarial da categoria foi aprovado.

O promotor já havia iniciado a investigação sobre esse tema ainda em julho. Porém, na época, ele disse que iria avaliar conforme o andamento da campanha. É bastante provável que o pedido de impugnação de Alceu Barbosa Velho (PDT) tenha feito com o que o promotor acelerasse a análise des…

Pesquisa do Correio do Povo mostra Alceu em primeiro e inversão no segundo lugar

Imagem
A pesquisa do Correio do Povo e do Instituto Methodus publicada ontem mostra uma inversão no segundo lugar. No começo da campanha eleitoral Assis Melo (PCdoB) aparecia num confortável segundo lugar, com chances de se aproximar do líder das pesquisas, Alceu Barbosa Velho (PDT). A nova pesquisa, que confirma os dados apresentados pela Folha de Caxias, mostra uma forte queda de Assis e um crescimento acentuado de Marcos Daneluz PT.


Correio do Povo (24/7)Correio do Povo (25/9)Alceu Barbosa Velho (PDT)38,7046,80Assis Melo (PCdoB)23,2015,50Marcos Daneluz (PT)16,5019,00Milton Corlatti (DEM)2,702,20Luis Possamai (PSOL)1,500,30
Em comparação aos dois levantamentos, feitos pelo mesmo instituto, percebe-se um crescimento substancial de Alceu e uma queda muito grande de Assis Melo. O curioso é que Alceu cresce 8 pontos e Assis cai 8 pontos. Esse fato é suficente para que Daneluz ultrapasse o comunista e fique em segundo lugar na preferência dos eleitores caxienses.

Esse quadro, porém,…

Mobilização, via internet, impede retrocesso na lei de agrotóxicos

Imagem
Com informações do RS Urgente

É atribuída a Otto von Bismarck, primeiro chanceler do império alemão, a frase: “Os cidadãos não poderiam dormir tranquilos se soubessem como são feitas as salsichas e as leis”. Essa máxima ganhou atualidade ontem com a entrevista do deputado estadual Ronaldo Santini (PTB) à rádio Gaúcha sobre o projeto que propõe a flexibilização do uso de agrotóxicos no Rio Grande do Sul. Diante da forte reação contra seu projeto, Santini admitiu que “não conhece tecnicamente a matéria”, que não entende nada de agrotóxicos e que vai retirar o projeto de lei. Santini disse ainda que apresentou o projeto a pedido de dois deputados federais: Renato Molling (PP) e Paulo Pimenta (PT).

É bom lembrar que a mobilização contra o projeto começou quando ele teve parecer favorável na Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa. Nesse dia o Polenta News, no dia 13 de setembro, juntamente com outros blogs começou a alertar a população sobre a atrocidade que seria com…

Polentinha: Direito a pergunta.

Imagem
Mais uma vez o candidato, representante da situação, Alceu Barbosa Velho (PDT) não compareceu a um debate. Mandou o vice. Dessa vez foi o encontro promovido pelo Instituto Ibs Bruno Segalla.

Alceu tinha agenda na Assembleia Legislativa? Acho que não.

Será que essas constantes ausências são um sinal de que ele pode não completar seu mandato, se eleito? Será que estaria nos planos de Alceu um candidatura a deputado federal? Ou a vice governador?

O quadro de vitórias do PDT em Porto Alegre e Caxias transformariam os pedetistas em fortes concorrentes ao executivo estadual.

Será que as eleições de 2012 são só escada para 2014?

O poderio econômico que faz diferença

Imagem
É inegável. A coligação Caxias para Todos, do candidato Alceu Barbosa Velho (PDT), está com a grana toda. Na última prestação de contas apresentada à Justiça Eleitoral, já se pôde vislumbrar que o candidato sozinho arrecadou mais que todos os seus adversários juntos: Candidato da situação arrecada mais do que todos os outros juntos

A magnitude econômica não aparece apenas na prestação de contas, mas também nas ruas e na TV. A qualidade dos programas de TV de Alceu impressionam. Contam com sons, imagens e criatividade quase que irretocáveis.

Nas ruas, para cada militante dos outros candidatos se enxerga pelo menos 10 militantes de Alceu. Impressionou o tamanho do investimento no dia do Desfile Farroupilha, em que a campanha se concentrou na área central da cidade. Eram centenas de militantes panfletando e carregando bandeiras da campanha situacionista. Infelizmente era nítido que aquelas pessoas estavam lá por dinheiro, recebendo para difundir uma ideia e um governo que não se sabe ao…

A verdade sobre o reajuste de 116% na tarifa da água em 2009

Imagem
Uma polêmica envolveu as coligações que represetam Alceu Barbosa Velho (PDT) e Marcos Daneluz (PT). O pedetista ganhou o direito de resposta, no programa do petista, sobre o reajuste das tarifas de água no ano de 2009. O programa da Frente Popular dizia que um decreto assinado por Alceu, Sartori estava de licença, teria reajusto as tarifas de água em 116%. O juiz eleitoral entendeu que o programa fazia parecer que o aumento foi linear para todos os usuário, o que não era fato e deu ganho de causa a candidatura da colicação Caxias Para Todos. A imprensa caxiense noticiou o direito de resposta mas não o fato. Mas afinal o que aconteceu de verdade?

O juiz tem razão. A água não iria ser reajustada em 116% para todos os usuário. Apenas para os que consumiam menos. É exatamente isso que você leu. Na verdade não era um reajuste. A proposta do executivo acabava com as faixas de consumo de 5 m³ até 9 m³, transformando a faixa de 10 m³ a mínima para todos os usários. Com isso o reajuste chegav…

Veja sugere que Jeferson deva ser perdoado

Imagem
Publicado originalmente no blog Brasil 247

“Ele merece perdão?” Esse é o título de uma reportagem da revista neste fim de semana, na qual o presidente do PTB é tratado como um pobre coitado. Além de ter colaborado com a Justiça, ele se recupera de um câncer. “Meu estômago grita, tenho cólicas”, diz ele. Há até um ministro do STF defendendo a clemência; será que ele escapa do juízo final?

Neste fim de semana, a revista Veja, que não apresentou fitas sobre a suposta entrevista de Marcos Valério, deflagrou um novo movimento. Trata-se do pedido de perdão a Roberto Jefferson, presidente do PTB que, em 2005, denunciou o chamado mensalão, em duas entrevistas concedidas à Folha de S. Paulo.

Para embasar seu pedido de clemência, Veja se ampara em dois argumentos. Um de natureza jurídica, outro humanitário. O primeiro diz respeito ao fato de Jefferson ter sido o delator do esquema. “A lei permite [o perdão] e é um caso que pode, inclusive, ter efeito pedagógico”, diz um ministro do Supremo…

Caxias: MP representa contra Prefeito, candidatos e coligação

Imagem
Fonte: Ministério Público RS

Com base em procedimento administrativo instaurado, o Ministério Público de Caxias do Sul ingressou na Justiça Eleitoral com representação “por condutas vedadas” contra o atual Prefeito do Município, José Ivo Sartori; contra os candidatos a Prefeito, Alceu Barbosa Velho, e a Vice-Prefeito, Antônio Roque Feldmann; e contra a Coligação “Caxias para Todos”. Além de aplicação de multas, o Promotor de Justiça Rafael Festa pede a cassação dos registros dos postulantes ao Executivo. Em sendo eleitos, também solicita que sejam negados ou cassados os diplomas.

Conforme foi apurado nos autos do procedimento, os candidatos e a coligação foram beneficiados pela cedência e uso de bens públicos pertencentes ao Município e, ainda, pela cedência ou uso de serviços de servidores públicos ou equiparados, mediante participação direta do Prefeito. Tudo em prol da campanha eleitoral dos candidatos e da coligação, inclusive com utilização em propaganda eleitoral veiculada no es…

ONG encaminha representação ao Ministério Público por podas excessivas

Imagem
O Instituto Orbis, ONG ambiental de Caxias do Sul, encaminhou um pedido ao Ministério Público para que haja uma investigação sobre as podas que são consideradas excessivas. A entidade tomou a ação depois de dezenas de casos relatos, nas redes sociais, atraves de um perfil, no Facebook, chamado Conselho das Árvores.

O objetivo dos ambientalistas é que o Ministério Público investigue se as podas, que estão sendo feitas pela Prefeitura de Caxias do Sul, no último mês, e que estão deixando as árvores quase no tronco, estão sendo feitas de maneira correta.

Apesar de extremamente importante, esse fato ganhou poucas linhas na imprensa hoje. Entretanto o jornal Pioneiro traz uma notícia escandalosa. Mais de 3600 árvores são cortadas todos os anos em Caxias do Sul. Excluem-se desse números as do interior do município e aquelas da barragem do Marrecas (mais de 6 mil araucárias).

Porém esse número pode ser maior pois a Secretaria do Meio Ambiente não faz ideia do total pois muitos alvaras aind…

São Leopoldo: Ajuizada ação criminal contra o tucano Anibal Moacir

Imagem
O candidato a Prefeitura de São Leopoldo, Aníbal Moacir (PSDB), é um dos dois médicos indiciados pela Polícia Civil na Operação Cosa Nostra. O inquérito foi remetido nesta semana ao judiciário. Aníbal é ginecologista e obstetra do Hospital Centenário. Junto com ele também foi indiciada a médica Ingrid Spellmeier.

A investigação da Delegacia Fazendária do DEIC envolve irregularidades no Hospital Centenário que surgiram no âmbito da Operação Cosa Nostra. Aníbal é suspeito de cobrar R$ 3 mil de uma paciente que deveria ter sido atendida pelo SUS. O bebê teve seu parto, de acordo pela Polícia Civil, lançado pelo SUS. O procedimento foi realizado há um ano e oito meses. Aníbal prestou depoimento na semana passada.

O caso está em tramitação na 1ª Vara Criminal de de São Leopoldo.

Base governista de Sartori nega pedido de informações sobre ilegalidade no Marrecas

Imagem
Nessa quarta-feira, 19, o pedido de informações sobre servidores e máquinas da Prefeitura que foram flagrados trabalhando na barragem do Marrecas foi negado na Câmara de Vereadores. Por oito votos a nove (com desempate da Presidente Geni Peteffi) o requerimento apresentado pelo vereador Rodrigo Beltrão (PT) será arquivado - e provavelmente enviado ao Ministério Público. Foram mais de uma hora e meia de debates e votaram contra o pedido: Alaor de Oliveira (PMDB), Mauro Pereira(PMDB), Edson da Rosa (PMDB), Felipe Gremelmaier (PMDB), Francisco Spiandorello (PSDB), Pedro Incerti (PDT), Gustavo Toigo (PDT) e Vinícius Ribeiro (PDT).

A base governista do Prefeito Sartori ficou com medo que mais um problema relacionado à faraônica obra viesse à tona e não quis pagar para ver. Não se trata de parar a obra novamente, como alguns quiseram alegar, mas de pôr às claras uma irregularidade cometida pelo gestor que já está pagando pelo serviço a uma empresa contratada.

A pressa do Governo e da mídia…

Segundo turno em Caxias é fundamental para a democracia

Imagem
A pesquisa Ibope divulgada hoje demonstra o crescimento de duas candidaturas, por coincidência ou não, na mesma escala. Enquanto o candidato Alceu Barbosa Velho (PDT) subiu de 41% a 47%, Marcos Daneluz (PT) cresceu de 11% para 15%. 
A situação, juntamente com a grande mídia, já comemoram a possibilidade de vitória no primeiro turno. Porém na situação em que são postas a disputa eleitoral. Vencer no primeiro turno faz mal a democracia.

Dizemos isso pois não existem 5 projetos de cidade em discussão. Existem na verdade 2. Um deles, da situação, diz que nada deve ser mudado. Que tudo ficará como está e que considera Sartori eminência parda no próximo governo. O outro projeto é o da oposição, que acha que Caxias não vive num mar de rosa, que nem tudo é perfeito e que existe diversos problemas a serem resolvidos. A oposição apresenta 4 modelos de cidade, bem diferentes entre sí até.

Do lado da situação há a constituição de um conjunto de alianças, forjado muito na troca de favores, e que …

Mais uma ilegalidade no Marrecas

Imagem
A pressa é inimiga da perfeição. Um  pedido de informações feito nessa terça feira pelo vereador Rodrigo Beltrão (PT) promete tirar o sono do Prefeito Sartori e do Diretor geral do Samae Vinícius Caberlon.

Servidores públicos municipais foram flagrados usando máquinas da Prefeitura nas obras da barragem do Marrecas. Eles estavam auxiliando a empresa Madeireira Sartori (é esse mesmo o nome, por coincidências da vida) a retirar a mata da área que será alagada.

O problema é que, para a realização desse serviço, já está sendo muito bem pago o Consórcio Fidens Sanenco, que foi contratado para realizar as obras da barragem. 

Conforme o contrato celebrado entre o Samae e a Fidens Sanenco, uma das obrigações da contratada é realizar a limpeza da área, retirar a vegetação e levar a madeira para o local de destino (item 1.1 do contrato). Pelo serviço o Consórcio está recebendo mais de R$ 200 mil, além de uma ajudinha extra da Prefeitura. confira aqui o contrato

Para realização do serviço de remoção…

Justiça proibe uso de imagens em prédios públicos

Imagem
A coligação "Caxias para Todos" do candidato Alceu Barbosa Velho (PDT) foi proibida pela Justiça Eleitoral de usar imagens captadas em prédios públicos e de declarações gravadas, de servidores públicos, em horário de expediente.

A decisão foi em resposta a representação movida pela coligação Frente Popular do candidato Marcos Daneluz (PT). Na ação, a Frente Popular questionou a utilização de símbolos, frases e imagens assemelhadas às empregadas em órgãos públicos e a captação de imagens dentro de prédios públicos, em desacordo com a legislação, por conduta vedada.

Estão na mira, também, a tentantiva de veiculação de obra pública com a candidatura de Alceu, o que já estava sendo apurada pela própria Justiça Eleitoral. A coligação situacionista reuniu "lideranças comunitárias" nas obras da Barragem da Marrecas, numa clara tentativa de uso da máquina pública em favor do candidato do prefeito Sartori. Como Alceu não pode, pela lei eleitoral, participar de inaugurações …

O Burguseiro e a falta de respeito com a política

Imagem
Causou repulsa o comentário feito pelo "Mirante" no Burgueseiro de hoje:

Após virar a propaganda eleitoral do avesso, ler e reler folhetos e, principalmente, pesquisar currículos, não se consegue encher uma mão com bons nomes. A maioria não tem escolaridade, não parece empreendedora, sequer inspira confiança ou foco na coletividade.

Em Caxias do Sul são mais de 300 candidatos e candidatas dos mais variados partidos. Se menos de cinco estão aptos suficientemente a serem bons vereadores, na opinião do colunista do Pioneiro, então teremos 18 vereadores eleitos que não são competentes? Uma verdadeira falta de respeito com os concorrentes!
Se escolaridade fosse o critério, Lula não teria sido considerado um dos melhores Presidentes que o Brasil já teve. Confiabilidade e espírito empreendedor são aspectos subjetivos demais para que o jornalista exclua desse critério a maioria dos candidatos.
São comentários como esses que a mídia burguesa faz e reforçam o descrédito na política e n…

Mudanças no cenário eleitoral caxiense?

Imagem
A pesquisa eleitoral trazida hoje pelo Jornal Folha de Caxias pegou muita gente de surpresa. O cenário apresentado para as eleição majoritária mostra uma inversão de papeis, com Marcos Daneluz (PT) tomando o segundo lugar de Assis Melo (PC do B).
A pesquisa foi classificada pelo próprio jornal como uma "sondagem", tendo em vista que não foi realizada dentro das exigências formais da justiça eleitoiral e por isso não foi registrada junto ao cartório eleitoral de Caxias. Porém, a metodologia utilizada na colheita das informações se apresentou consistente, principalmente por apresentar ao entrevistado o partido ao lado do nome do candidato. O partido a que cada candidato pertence acaba fazendo diferença no momento do voto. Além disso, os entrevistados recebem a foto e o número do candidato, como uma eleição de  verdade.

Causa estranheza tamanha reviravolta então pouco tempo, já que, há menos de duas semanas, a pesquisa elaborada pelo Ibope apresentou Alceu Barbosa Velho (PDT) c…

A "entrevista bombástica" que a Veja divulga nunca aconteceu

Imagem
Fonte: Brasil 247

Desde ontem à noite, Veja anuncia por meio de dois de seus porta-vozes extraoficiais, os jornalistas Augusto Nunes e Reinaldo Azevedo, uma capa bombástica contra o ex-presidente Lula. A “mais importante desde a entrevista de Pedro Collor”, que gerou o impeachment de seu irmão Fernando Collor, há exatos vinte anos. A capa, no entanto, não entrega a mercadoria. Traz uma declaração de Marcos Valério de Souza (“Não podem condenar apenas os mequetrefes. Só não sobrou para o Lula porque eu, o Delúbio e o Zé não falamos”) que não foi dita diretamente à revista. Trata-se, na verdade, de algo dito a interlocutores próximos do empresário, já condenado na Ação Penal 470, mas não oficialmente à revista. Off the records, portanto.

A reportagem começa com uma narrativa sobre a rotina de Valério, como o fato dele levar todos os dias os filhos à escola, para dar ar de verossimilhança ao texto. Mas nenhuma das declarações – todas elas capazes de provocar uma crise política de proporç…

Manuela e o PSC

Deu na coluna Mirante do Zero Hora de hoje:

"Militantes do PSC de outros Estados estão criticando o apoio do partido a Manuela D’Ávila (PC do B) em Porto Alegre. Eles argumentam que ela defende a bandeira dos direitos humanos e do combate à homofobia."
Para quem não sabe o PSC é o Partido Social Cristão. Ao que parece pela afirmação desses militantes, publicada na Zero Hora, há dentro desse partido pessoas que defendem a homofobia, ou seja, o ódio a homossexuais e pessoas que não defendem os direitos humanos.

Sobre a homofobia qualquer pessoa com pensamento médio, com excessão dos psicopatas sociais, sabe que pregar ódio é uma coisa muito, muito, muito ruim. Condenável por qualquer pessoa com senso de humanidade.

Os direitos humanos entretanto são tratados equivocadamente como "direito dos bandidos", o que é uma grande bobagem.  Os direitos humanos são as garantias individuais que vão desde o direito de não sermos torturados pela política (como acontece diversas …

Projeto quer liberar, no RS, uso de agrotóxicos proibidos em outros países

Imagem
Somente os dois deputados do PT, na Comissão, votaram contra o projeto. Leia a matéria publicada no RS Urgente.

A Comissão de Constituição e Justiça, da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, deu parecer favorável, em sessão realizada dia 11 de setembro, ao Projeto de Lei nº 78/2012, de autoria do deputado Ronaldo Santini (PTB), que altera o texto da lei estadual (nº 7.747, de 22 de dezembro de 1982), que regulamenta o uso de agrotóxicos e outros biocidas em nível estadual. Pioneira no Brasil a legislação gaúcha proíbe, no caso de importação, o uso no Estado de agrotóxicos proibidos em seu país de origem. O projeto do deputado Santini quer alterar justamente essa parte da lei, propondo a seguinte redação:

“É vedado ao órgão estadual exigir, como condição ao cadastramento de produtos agrotóxicos, seus componentes e afins (e/ou biocidas), a comprovação de autorização de utilização do produto, seus componentes e afins no país de origem, assim considerado aquele que originou a sínt…

Forças ocultas impedem debate em Caxias. Isso ecziste sim!!!

Imagem
Forças ocultas agiram pesado em Caxias do Sul na manhã de hoje e cancelaram o debate que seria promovido pelos Conselhos de Psicologia e Serviço Social. A ausência do candidato situacionista, Alceu Barbosa Velho (PDT) resultou na não existência do debate.

Os candidatos foram convidados, e confirmaram presença, a cerca de quinze dias, segundo os organizadores. Na noite de ontem o Conselho Regional de Psicologia (CRP) de Caxias do Sul, um dos organizadores, enviou um e-mail a todos os candidatos dizendo que a presença de candidato a vice-prefeito estaria vetada.

Esse era um recado direto a coligação de situação pois Alceu seria representado, novamente, pelo seu vice, Antonio Feldmann. Na manhã de hoje, no horário marcado, estavam presentes Assis Melo (PCdoB), Luis Possamai (PSOL), Marcos Daneluz (PT) e Milton Corlatti. Também estava presente a equipe de teve do candidato Alceu.

Acontece que surgiu um problema. Segundo Maria de Fátima Fischer, conselheira do CRP, "a assessoria j…

Nem os plátanos foram poupados da destruição da prefeitura

Imagem
Um dos cartões postais de Caxias do Sul. Um dos locais mais fotografados, tanto no outono, quanto na primavera não resistiu ao despreparo e a sanha destruidora imposta pelo governo Sartori ao meio ambiente.

A vitima da vez foi o corredor de plátanos que cerca do Parque dos Macaquinhos. As fotos acima começaram a circular pelo Facebook e pode-se ser ver na imagem galhos grossos foram cortados das árvores com o argumento de "poda". Os plátanos, na primavera e no verão, criam um corredor verde tanto na Dr. Montaury, quanto na Dom José Barea.

Há alguns dias atrás os ligustros que foram plantados na Alfredo Chaves tiveram o mesmo destino. A explicação, risível, do Secretário de Agricultura Nestor Pistorello era que eles competiam com os plátanos, justamente os que foram mutilados.

Pior do que tudo isso é que o candidato situacionista admite que continuará agindo da mesma forma. Em entrevista ao Pioneiro sobre o tema ele disse:

"Em relação à poda em áreas públicas, que não ne…

O Governo vai bem. Já a saúde...

Imagem
Como bem pontuou o "Burgueseiro" deste final de semana, a saúde é uma das maiores preocupações dos caxienses. Em uma avaliação um tanto quanto contraditória, o Governo Sartori recebeu 75% de aprovação enquanto a saúde foi apresentada como a área que mais precisa melhorar para 70% dos entrevistados.

A saúde com certeza é a área social que mais significativa para as pessoas. Sem saúde não somos ninguém e só quem precisou dos atendimentos do SUS sabe da situação caótica em que se encontra o atendimento em Caxias. Talvez seja por isso que o problema na saúde não tenha repercutido tanto na avaliação do Governo,  talvez seja a minoria que tenha precisado da saúde pública nos últimos anos. Será?

Faltam médicos, faltam servidores, filas gigantescas para atendimento, meses de espera para atendimento especializado, Hospital de Campanha que não funciona, descaso com a população que padece por saúde... e isso não repercutiu na avaliação do governo.

Tem coisas que não tem explicação!

Candidato da situação arrecada mais do que todos os outros juntos.

Imagem
A segunda prestação de contas parcial da campanha para prefeito mostra que o candidato situacionista, Alceu Barbosa Velho (PDT), captou mais recursos que os outros candidatos a prefeito juntos. Alceu captou, ao todo, R$ 500.500,00. Em segundo lugar vem Milton Corlatti (DEM) com R$ 156.530,00, depois, Marcos Daneluz que arrecadou R$ 145.250,00. Em seguida vem o candidato do PCdoB, Assis Melo com R$ 135.800,00. Luis Possamai (PSOL) é o único que não prestou contas parciais,

Percebe-se na prestação de contas dos candidatos a prefeito que o foco de arrecadação são os grandes valores. A menor contribuição individual é de R$ 250,00 (você encontrará uma de R$ 100,00 mas ela faz parte de um conjunto de contribuiões) e a maior é de R$ 100.000,00. É da Randon, para o candidato Alceu, a maior contribuição para um candidato.

Um detalhe que causa estranheza são alguns valores elevados depositados em espécie (dinheiro vivo). Na listagem de Alceu Barbosa Velho a Açoplano (R$ 15.000,00) e Fisa Inco…