domingo, 30 de setembro de 2012

João Carlos Berti confirma que estava em jantar onde foi oferecido cargos por apoio

Berti estava na reuniu que Alceu ofereceu cargos
em troca de apoio
O candidato a vice prefeito na chapa de Assis Melo (PCdoB), João Carlos Berti (PPS), admitiu na manhã de hoje, durante o debate com os candidatos a vice na Rádio São Franscico que estava no jantar onde foram gravadas a proposta de cargos por apoio político.

Segundo Berti a atividade aconteceu no salão de festas do apartamento de Alceu Barbosa Velho (PDT) e reuniu representantes de 22 partidos. Segundo ele Alceu teria feito a oferta de no mínimo um CC8 (com valor de R$ 8 mil hoje) para cada partido que participasse da coligação.

Berti disse que ficou indignado com a situação e, por conta disso, abandonou a coligação que fazia parte até o momento. Isso está corroborando a história de Renato Nunes (PRB) e Koiti Tamura (PTC) que falaram no programa de Daneluz na noite de ontem.

Dos 22 partidos, 17 fecharam apoio, e o que parece irão receber um CC8 no caso de vitória de Alceu Barbosa Velho. Três se retiraram e outros 2 iriam se coligar com Alceu mas as direções nacionais intervieram.

Como resposta as denuncias Alceu disse: "Fizemos uma negociação política normal. Eu disse para os representantes dos partidos: ajuda a ganhar, ajuda a governar. E garanti a cada um deles essa participação no governo".

A fala de Alceu é a confissão de que, caso ganhe as eleições, seu governo seria construído apenas distribuíndo cargos. Critérios técnicos ou de competência não teriam vez já que estava garantido espaço, privilegiado, a cada partido.

O que aterroriza nessa história toda é que Alceu não nega o fato e que ainda 17 partidos aceitaram a barganha. Logicamente alguns o fizeram por critério ideológicos até. Mas agora se entende as grandes brigas que fizeram PTB e PP, por exemplo, para garantir apoio a Alceu ao invés de candidatura própria. Parece que as acusações de que isso aconteceu por conta dos cargos era verdade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com