sábado, 9 de junho de 2012

Sartori fica incomodado, tadinho

O Prefeito Sartori (PMDB) está incomodado. Durante uma cerimonia de anúncio das obras da estação de transbordo do Imigrante (mas ele já não fez esse anúncio). O prefeito em meio a uma série de citações de suas obras viárias (até parece que o trânsito em Caxias são está caótico) ele ficou cabisbaixo ao citar as obras do Marrecas.

Segundo o colunista Marcio Serafini, do Pioneiro, Sartori disse: "Ainda tem gente que gosta de incomodar todos os dias...". O prefeito se referia, segundo o colunista, mesmo sem citar as entidades ambientais que travam uma batalha em torno da construção da obra mais devastadora do meio ambiente de Caxias do Sul e a que, se não foi superfaturada já que estorou o orçamento em mais de 100%, é a que foi mais mal planejada economicamente.

O que está por trás dessa fala do Sartori é que, como ele nunca foi do Executivo antes de 2004, (ele só havia sido legislador), o atual prefeito não aceita que ninguém divirja dele. É o grande representante do pensamento único. Para Sartori é impensável que a população não beije seus pés e não diga amém para tudo o que ele faz. Também é bem típico de sua personalidade distribuir prêmios e beneces a todos os seus cabos eleitorais. Fato esse muito bem demonstrado com as inúmeras Medalhas do Imigrante que ele concedeu a cada um dos ex-secretários.

Caxias não pode mais ser administrada por alguém que pense que sabe tudo. Por um prefeito que despreza a voz da sociedade. Ao invés de ouvir a população, para Sartori, é mais fácil "comprar" da conivência dos presidentes de bairros com grandes repasses de verbas e grandes almoços.

Para Sartori seria melhor que não existisse Câmara de Vereadores, sindicatos, entidades da sociedade cívil, ONGs, ou oque quer que fosse, para não atrapalhar seu plano megalômano, de entrar para a história de Caxias do Sul como grande administrador, que na verdade ele não é.

Não dá para dizer que tudo que o Sartori fez é ruim. Porém em muitas coisas ele piorou e bastante. A própria obra das estações de transbordo que foi anunciada (denovo) ontem, estava planejada há mais de 8 anos. Caxias já teve que devolver recursos ao governo federal porque não conseguiu construir uma passarela. Há mais de 2 anos os trabalhadores pegam chuva e frio na estação central da Bento Gonçalves que é uma gambiarra. As mudanças tão alardeadas com o fim do estacionamento da Sinimbu não surtiram grandes efeitos.

Isso que nem vamos falar nos mais de 2 anos de movimento grevista dos médicos de Caxias do Sul que, até hoje, não cumprem horário de trabalho. E também não pode ficar para trás os inúmeros casos de contratação de parentes, compras sem licitação em empresas de maridos dos CCs e por aí vai.

E ainda o prefeito acha ruim incomadar? Temos é que incomodar ainda mais, pois somos cidadãos e ele é pago com o dinheiro dos nossos impostos e deve trabalhar para o povo de Caxias e não para os seus cabos eleitorais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com