sexta-feira, 29 de junho de 2012

Secretária da Saúde admite que não investe tanto quanto propagandeiam

Audiências quase secretas para divulgar
informações muito relevantes
O Diretor Geral da Secretária Municipal de Saúde, Adriano Padilha da Silva, apresentou, na Câmara de Vereadores, nessa quarta feira, um relatório sobre os gastos da pasta nesse primeiro semestre. E a informação passada por Adriano confirma o que o Polenta News, já havia antecipado: A Secretária Municipal de Saúde investe, com recursos próprios, bem menos do que propagandeia.

Na matéria que publicamos em 15 de junho (leia aqui) sobre uma declaração dada pelo vereador Gustavo Toigo (PDT) que a Secretária da Saúde aplicava mais de 20% na área. Na época desmontamos esse argumento com base nos dados oficiais retirados do Portal Transparência, que aponta que a Prefeitura de Caxias do Sul investia 11,2% de recursos próprios em Saúde.

Agora o Diretor da secretaria confirma nossa tese e admite que, no primeiro semestre foram investidos R$ 57 milhões. Deste valor 52% é de origem municipal e 45% são verbas federais e quase 3% são do governo do Estado.

Na parte que cabe a prefeitura Adriano informa que 76% é gasto com pagamento de pessoal. Esse na verdade é o principal problema de Caxias do Sul na área da saúde: a péssima gestão de recursos humanos da pasta. As principais reclamações da população é na ausência de profissionais nas Unidades Básicas de Saúde e no Postão. Além da longa espera por exames.

A parte que cabe o governo federal é destinada, principalmente, para o atendimento hospitalar e ambulatorial (inclue-se aí o Programa Saúde da Família). A parte do governo do Estado tem como principal destino o Hospital Geral.

Adriano disse que vem tentando mais verba do Governo do Estado porém parece que está havendo uma incapacidade de enquadrar Caxias na transferência de recursos. Além do HG, o outro aporte grande de recursos que veio, do governo do Estado para Caxias, foi para o aumento do número de leitos de UTI e foi via emenda parlamentar.

Cabe ressaltar, também, que o governo do estado teve diminuído, por muitos anos, os investimentos em saúde e só agora está ampliando o valor gasto (veja aqui).

Como vemos a propaganda feita pelo governo Sartori não se sustenta na apresentação dos números. Porém essa informação você não lerá na grande imprensa caxiense. Os veículos que publicaram a notícia deram destaque ao valor e não a divisão dos recursos. Para eles era mais importante a propaganda do que o fato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com