sábado, 7 de julho de 2012

O Burgueseiro querendo convencer de que é neutro

Na edição deste final de semana, O Burgueseiro (Pioneiro) tenta convencer seus leitores de que neutralidade é fundamental para a imprensa noticiar com qualidade o processo eleitoral que se avizinha. Disso ninguém tem dúvidas.

Na coluna "Opinião", sob o título "Transparência e Equilíbrio", o jornal elenca 15 itens de como será a cobertura da RBS durante o pleito, sendo os dois primeiros:

1) Os veículos da RBS tratam partidos e candidatos de maneira equilibrada e independente.

Tão independente e equilibrado quanto a revista Veja que afirmou na edição desta semana que a destituição do Presidente Lugo no Paraguai foi rápida mas está longe de ser um golpe de estado e que os padrões democráticos do país condizem com os demais países do Mercosul.

2) Os candidatos de partidos com baixa representatividade têm cobertura de acordo com sua dimensão

Nesse ponto, o jornal já deixa nítido que dos cinco candidatos caxienses à Prefeitura ao menos dois estão fadados ao esquecimento. Afinal, Possamai (PSOL) e Corlatti (DEM) não possuem coligação. Por este critério, Alceu (PDT + 16 partidos), coincidentemente se dará muito bem.

Mais adiante, na mesma edição do Burgueseiro, são apresentados os jornalistas que farão parte desta equipe neutra que noticiará as eleições municipais, dando maior veracidade à afirmação da independência e imparcialidade do jornal.

Quase convenceu. Os próximos três meses mostrarão o quanto a mídia burguesa é "independente" e "imparcial"...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com