Ato falho de colunista do Pioneiro

Clique na imagem para ampliar
Segundo Freud Ato Falho é o desejo do inconsciente de algo que ele deseja ver realizado. Isto explica o fato de que nenhum gesto, pensamento ou palavra acontece acidentalmente. Os atos falhos são diferentes do erro comum.

O desejo dos editores do Pioneiro é tanto para a inauguração da represa do Marrecas que o colunista do Mirante esqueceu que a represa nem pronta estava e já disse que ela encontrava-se abaixo do nível normal.

Comentou o jornalista em tom preocupado:

"Já o Marrecas (pouco mais de 25%) está 2m60cm abaixo do nível. A situação preocuparia a partir de -5m."
 Na verdade seria a Maestra, como está na tabela logo abaixo. Ou o colunista está previndo o futuro de que a barragem do Marrecas vai ficar abaixo do nível na inauguração, e então toda a propaganda vai por água abaixo, litaralmente. Ou seu desejo, e da empresa, de ver o Sartori inaugurando ela antes das eleições é tanta que se atrapalham todo.

Falando nisso há 3 subtítulos sobre a obra sem trazer nenhuma informação relevante. Coincidência, ou não, esse foi um tema tratado no programa eleitoral do candidato situacionista.

Ah esse Freud explicava muita coisa.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mauro Pereira, fiel escudeiro de Eduardo Cunha na Câmara de Deputados

É um absurdo: Lasier Martins arranjou emprego para a namorada na Assembleia Legislativa

TV Caxias terá bens leiloados