quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Piada de mau gosto publicada no Pioneiro indigna professores

Uma piada, de profundo mau gosto, publicada na edição de 10 de dezembro do jornal Pioneiro, ou O Burgueseiro como chamamos aqui, indignou os professores. A piada, que pode ser conferida na imagem ao lado, é uma das milhares de variações do tema "joazinho e a professora" e, além do mau gosto, faz graça com a violência e o ataque moral dentro da sala de aula.

Entre os vários comentários que a postagem no Facebook recebeu a grande maioria questiona se esse tipo de piada não é uma contradição a campanha, do grupo RBS, "A educação precisa de respostas". Silvia Ribeiro postou: "A RBS quer respostas sobre educação, mas é só dar uma olhadinha no correspondente deles que já terão ao menos uma, DESRESPEITO". Austinho Filho é mais enfático: "
Não podemos dar credibilidade para RBS, eles não tem noção do que é educação, e nem sobre os professores, porque eles não compartilham". 

Piadas de mau gosto, preconceituosas e que estimulam o preconceito não fazem bem nenhum a sociedade. Fazer humor, inclusive, usando essas "bengalas", é muito fácil, pois já são locais "seguros" e garante "risadas" do senso comum. 

Infelizmente tem virado moda se contra o politicamente correto e, por conta disso, proferir absurdos usando como justificativa a "liberdade de expressão" e o humor. A sociedade precisa ficar vigilante quanto a isso, pois de passo a passo o mau gosto ganha espaço.

*Queremos agradecer quem marcou o Polenta News na postagem por reconhecer que temos o senso crítico necessário para pautar esse assunto.

Um comentário:

  1. Eu marquei a postagem porque tinha certeza de que o Polenta News daria ênfase a tão importante e esquecido assunto: o respeito aos professores e à educação.Sou professora e trabalho 40 horas semanais em duas escolas municipais.
    Agradeço pela atenção dada à marcação da minha postagem.
    Professora Jussára C Godinho.

    ResponderExcluir

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com