quinta-feira, 11 de abril de 2013

Dois protestos contra Feliciano em Caxias

Apesar do estilo metrosexual Feliciano é famoso por suas declarações, sem noção, que destilam preconceito contra o todo mundo civilizado

Os atos são divididos mas o motivo é o mesmo: Mostrar o descontentamento com a eleição de Marco Feliciano (PSC/SP) como presidente da Comissão de Direitos Humanos na Câmara dos Deputados.

O motivo do protesto é a presença do deputado na cidade que participará de um culto na Igreja Unção, Fogo e Glória, no bairro Marechal Floriano. Quando a presença do deputado foi divulgada iniciou a organização de movimentos de repúdio as declarações racistas, homofóbicas e sem noção do "nobre deputado".

Dessa mobilização acabaram saindo dois atos. Um deles organizado apenas pelas redes sociais tem como foco realizar um protesto na frente da Igreja Unção, Fogo e Glória. (veja aqui evento do facebook). Segundo os organizadores a itenção não é confrontar com os evangélicos que estarão no local, mas sim contestar as atitudes do deputado preconceituoso.

Outro movimento organizado pelas entidades LBL/Caxias (Liga Brasileira de Lésbicas), a Marcha Mundial das Mulheres, ENESSO (Executiva Nacional de Serviço Social), UAB (União das Associações de Bairro), ONG Construindo a Igualdade, DCE/ UCS, AMOB Vila Leon e UJS, partiu para uma outra abordagem. Eles se concentrarão na Praça Danta Alighieri. Motivo? Evitar confronto com as pessoas que estarão no templO (veja o evento no Facebook).

É inegavel que as religiões pentecostais reunem uma massa impressionante de pessoas. Levadas a encontrar na Terra o mudo ideal que as demais religiões garantem existir somente no paraíso, uma grande massa de manobra está nas mãos de pastores inescrupulosos que a exemplo de Feliciano viram deputado.

Feliciano não chegou sozinho ao Congresso Nacional. Ele representa uma das parcelas mais preconceituosas da sociedade brasileira. Esse submundo de conservadorismo não é diferente daquele que Serra mobilizou na campanha presidencial para tentar impedir a vitória de Dilma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com