sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Uma Rainha republicana?

Precisamos ter rainha e princesas em pleno século XXI?
A proposta apresentada pelo vereador Renato Nunes (PRB) de voto popular para a escolha da Rainha e Princesas da Festa da Uva vem acompanhada de um senso de ingenuidade que não chega a ser comprometedora. Porém exime de ir mais ao fundo da questão:

Afinal, por qual motivo se escolhe a Rainha da Festa da Uva (ou de qualquer outra coisa)?

Longe de ser um resquício dos tempos da monarquia a Rainha e Princesas de uma festa tem como principal justificativa criar um espaço para as mulheres participarem da festa e SÓ ESSE ESPAÇO. Em qualquer comitiva de divulgação desses eventos você verá sempre junto as "soberanas" os organizadores, todos homens.

A Festa da Uva não é diferente. A comissão organizadora é majoritariamente masculina. As mulheres, com excessão de duas (cinco agora com a rainha e princesas) tem algum papel de protagonismo, as outras mulheres são as esposas dos representantes de organização.

Esse é o papel que é dado as mulheres nessas festividades. A de figura decorativa. Seja vestida de "rainha" ou nos carros alegóricos.

A proposta de Nunes tenta dar um ar de "republicanismo" a uma monarquia já decadente. Retirando o esforço hercúleo do grupo RBS em fazer com que a escolha da Rainha da Festa da Uva seja um grande evento ele, na verdade, é bastante medíocre. Só participou da "festa" quem tinha alguma ligação com uma das candidatas e muitos, além de não pagar ingresso, receberam para estar lá presentes.

A escolha da "soberana" por voto direto não vai incluir mais a população na festa, vai aumentar, e muito, os custos para as candidatas a rainha.

Não seria o momento de pensar se realmente precisamos de Rainha e Princesas da Festa da Uva?

Um comentário:

  1. Quem sabe acabem com a festa. Transformem numa feira agroindustrial inominada, e esperem sentados algum visitante.
    Isso sim é procurar chifre em cabeça de cavalo. Não contribui em nada.

    ResponderExcluir

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com