quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Imagina na Copa?

O racismo oculto da sociedade que quer se mostrar multicultural

A foto ao lado, postada no Facebook, rendeu um debate sobre o racismo nosso de cada dia. A imagem mostra um grupo de homens, todos negros, e tem o comentário "Praça Dante tomada por Sebegaleses (sic)... Haitiano. .. Caxias essa é a tua cara..."

Por mais que a autora tente admitir, e não tentou ainda, que foi mal interpretada, alguns comentários abaixo da foto reforçam a tese do racismo latente de nossa cidade.

Um dos comentários chegou a fazer a relação da presença dos estrangeiros com o sumiço dos cachorros das ruas da cidade!

O autor dessa pérola, depois de ter sido questionado por outras pessoas passou a
dizer que era apenas uma brincadeira. 

Outros, entretanto, foram mais diretos. Um chegou a afirmar que no bairro Desvio Rizzo tinha muitos "Pr", que pelo contexto, quer dizer PRETOS. Como se isso fosse um problema para o bairro.

Outro foi mais direto ainda ao afirmar "Bando de vacabundos (sic)".

Felizmente essas criaturas racistas foram a minoria. Outros comentários  trataram de demonstrar, que apesar de alguns, a cidade pode ter um futuro civilizado.

Imagina na Copa


Agora imaginem, ano que vem, se uma das seleções de futebol escolhem Caxias do Sul? Se for Camarões, Nigéria, Gana, Costa do Marfim ou Argélia, todos países africanos, vai ter caxiense em fuga pela Rota do Sol. Mas mesmo a tão sonhada seleção italiana, que pediu US$ 1 milhão para se hospedar aqui poderia provocar um incidente internacional. Imaginem o número 9 da "azurra", o Balotelli, sendo chamado de vagabundo enquanto passeava pela Praça Dante?



2 comentários:

  1. sao pretos sim, que vieram forçados e escolhidos entre os melhores de sua raça. ao contrario dessa maioria branca caxiense, que descende de mortos de fome e moradores de rua da itália... muita coisa mudou da época em que eu era chamada de negrinha na escola, mas continuo dizendo que é melhor ser preta do que gringa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Michele... Tem gringo bom e tem gringo que não vale nada. Assim como tem negro bom e tem negro ruim. Caráter independe de tom de pele, de aparência ou limitações físicas. Não generaliza, se não você se torna racista também.

      Excluir

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com