Desrespeito com os deficientes. De novo.

Após a Prefeitura retirar o transporte escolar de crianças com deficiência moradoras da área urbana, mais um ataque as direitos dessas pessoas se avizinha. Por pura falta de planejamento, o Centro-Dia (que presta atendimento de Assistência Social a pessoas portadoras de deficiências - PPDs) teve seu convênio com a Associação Helen Keller (administradora) encerrado. Um lei de 2009 determina que a entidade administradora deve custear os encargos trabalhistas a partir do ano que vem. Assim, como a associação alega não ter verbas disponíveis, já demitiu os funcionários.

A FAS alega que fará uma licitação e que o serviço está garantido até o finl de janeiro. Pais e funcionários estão angustiados, pois certamente a licitação não estará pronta. Onde ficarão os alunos? Por que a FAS não se organizou antes?

Ontem pais, alunos e funcionários do Centro-dia fizeram um manifesto na Câmara de Vereadores. É urgente que a FAS e o Prefeito tomem algum providência antes que também essas pessoas fiquem desamparadas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mauro Pereira, fiel escudeiro de Eduardo Cunha na Câmara de Deputados

É um absurdo: Lasier Martins arranjou emprego para a namorada na Assembleia Legislativa

TV Caxias terá bens leiloados