sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Defeito em peça vai atrasar, ainda mais, a distribuição de água do Marrecas

Novamente o cronograma de distribuição de água do Marrecas sofre atrasos. Dessa vez o culpado é o rompimento de uma peça de conexão, responsável por interligar o sistema de bombeamento e a adutora de água bruta do Sistema Marrecas. Com isso os testes de bombeamento, tratamento e verificação dos sistema de adutoras foi suspenso.

A peça, que é nova, pode ter rompido devido a um defeito de fabricação. Os testes estão suspensos por prazo indeterminado até que a empresa responsável pelo obra seja notificada para a substituição.

Esse é o quinto adiamento (veja aqui um histórico dos anteriores). Provavelmente o início da distribuição de água do Marrecas para a população não aconteça nesse verão. Paradoxalmente esse era o motivo para que a barragem fosse inaugurada em 2012. Segundo o Samae teríamos racionamento em 2014 se a obra não fosse concluída. Chegou 2014, a obra não está pronta e não há racionamento. Estelionato eleitoral?

O governo Alceu Barbosa Velho (PDT) tem um compromisso com a comunidade caxiense e deveria dar mais transparência ao que está acontecendo nessa obra que custou quase R$ 300 milhões.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com