terça-feira, 31 de maio de 2016

Odebrecht assina a maior delação premiada da Lava Jato

Marcelo Odebrecht o "homem que sabe muito"
Se a Lava Jato for realmente séria a delação premiada do empresário Marcelo Odebrecht assinada com o Ministério Público Federal (MPF) irá abalar definitivamente a República.

A extensão da delação atingirá todos os partidos incluindo PSDB, PMDB, PP, PDT, PTB, DEM, SD, e muitos outros.

A famosa lista da Odebrecht tem 300 nomes de políticos e ela ainda pode ser maior. Tem deputado, senador, governador, prefeito, vereador e até candidato a presidente.

O pai de Marcelo Odebrecht, Emilio Odebrecht, também prestará depoimentos na condição de colaborador da Lava-Jato, conforme apurou a reportagem do jornal Valor Econômico.

Com o acordo, Marcelo entregará todas as informações que dispõe sobre o caixa da empresa e contribuições feitas às campanhas eleitorais majoritárias. O empresário também vai detalhar os pedidos de contribuição feitos por políticos a ele e ao Grupo Odebrecht.

Os próximos movimentos dirão qual a extensão das investigações. Fontes relatam que a Odebrecht poderia citar casos de corrupção que aconteceram dos anos 1960 para cá.

Se realmente a Lava Jato quer dar uma limpa na corrupção, as investigações não podem ficar restritas nos últimos anos. Tem que passar todo o país a limpo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com