quinta-feira, 3 de maio de 2012

Mais um exemplo da má gestão da saúde de Caxias do Sul

Um procedimento que já existia a 12 anos e vinha funcionando foi mudado no início de abril e está causando transtorno para usuários do SUS de Caxias do Sul. A Secretaria de Saúde mudou os procedimentos de marcação de consultas com médicos homeopatas. Até abril o usuário que preferisse uma consulta com um homeopata se dirigia diretamente ao Centro Especializado de Saúde (CES), portando seu cartão do SUS e eram marcadas até duas consultas novas e seis remarcações.

A vereadora Ana Corso, PT, apresentou essa preocupação na sessão de ontem da Câmara de Vereadores. Segundo a parlamentar ela foi procurada por usuários que estariam se sentindo prejudicados com a alteração dos procedimentos. "Ouvi o relato de uma mãe que levou o filho ao CES na segunda-feira (09/04) para marcar consulta com homeopata (poderia ser atendido imediatamente) e com o novo procedimento, teve que retornar ao seu bairro ir na UBS, e até conseguir o encaminhamento retornou somente na sexta-feira (13/09). Notícias dão conta que o retorno dos pacientes encaminhados pelas UBSs ao CES demoram de 7 a 9 dias . As urgências deixaram de ser atendidas, pior, vão parar no Postão 24 horas indo contra a própria campanha da Secretaria da Saúde, pois estes usuários poderiam estar sendo atendidos no CES".

Ainda segundo a parlamentar, durante o mês de abril, foram atendidos 32 pacientes pelos homeopatas. Se não houvesse mudança nos procedimentos o dobro de pessoas seriam atendidas. O atendimento por homeopatas é diferenciado. As consultas duram bem mais tempo que um médico "convencional" e o tratamento também é diferenciado e exige um acompanhamento maior por parte do profissional.

Ao alterar uma coisa que estava funcionando bem há muitos anos, a secretaria de saúde demonstra que seu jeito de administrar a saúde, dando chute para tudo quanto é lado. A inabilidade de gestão da Maria Anontiazzi já foi demonstrada na greve dos médicos que dura 2 anos (a greve não foi encerrada, foi dado apenas um tempo até as eleições segundo o presidente do sindicato médico).

Esses procedimentos desencontrados geram filas nas UBS, falta de atendimento aos usuários e mais e mais tensão no Postão 24 horas, onde, por falta de atendimento adequado vai parar todo mundo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com