Mais um exemplo da má gestão da saúde de Caxias do Sul

Um procedimento que já existia a 12 anos e vinha funcionando foi mudado no início de abril e está causando transtorno para usuários do SUS de Caxias do Sul. A Secretaria de Saúde mudou os procedimentos de marcação de consultas com médicos homeopatas. Até abril o usuário que preferisse uma consulta com um homeopata se dirigia diretamente ao Centro Especializado de Saúde (CES), portando seu cartão do SUS e eram marcadas até duas consultas novas e seis remarcações.

A vereadora Ana Corso, PT, apresentou essa preocupação na sessão de ontem da Câmara de Vereadores. Segundo a parlamentar ela foi procurada por usuários que estariam se sentindo prejudicados com a alteração dos procedimentos. "Ouvi o relato de uma mãe que levou o filho ao CES na segunda-feira (09/04) para marcar consulta com homeopata (poderia ser atendido imediatamente) e com o novo procedimento, teve que retornar ao seu bairro ir na UBS, e até conseguir o encaminhamento retornou somente na sexta-feira (13/09). Notícias dão conta que o retorno dos pacientes encaminhados pelas UBSs ao CES demoram de 7 a 9 dias . As urgências deixaram de ser atendidas, pior, vão parar no Postão 24 horas indo contra a própria campanha da Secretaria da Saúde, pois estes usuários poderiam estar sendo atendidos no CES".

Ainda segundo a parlamentar, durante o mês de abril, foram atendidos 32 pacientes pelos homeopatas. Se não houvesse mudança nos procedimentos o dobro de pessoas seriam atendidas. O atendimento por homeopatas é diferenciado. As consultas duram bem mais tempo que um médico "convencional" e o tratamento também é diferenciado e exige um acompanhamento maior por parte do profissional.

Ao alterar uma coisa que estava funcionando bem há muitos anos, a secretaria de saúde demonstra que seu jeito de administrar a saúde, dando chute para tudo quanto é lado. A inabilidade de gestão da Maria Anontiazzi já foi demonstrada na greve dos médicos que dura 2 anos (a greve não foi encerrada, foi dado apenas um tempo até as eleições segundo o presidente do sindicato médico).

Esses procedimentos desencontrados geram filas nas UBS, falta de atendimento aos usuários e mais e mais tensão no Postão 24 horas, onde, por falta de atendimento adequado vai parar todo mundo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mauro Pereira, fiel escudeiro de Eduardo Cunha na Câmara de Deputados

É um absurdo: Lasier Martins arranjou emprego para a namorada na Assembleia Legislativa

TV Caxias terá bens leiloados