quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Movimento "Arena Não" realiza ato em Caxias do Sul

Começou a reação democrática contra o neofascismo. Um ato no final da tarde de segunda feira, em Caxias do Sul, do movimento "Arena Não" mostrou que existe um contraponto ao discurso conservador. Os manifestantes, a maioria jovens, realizaram um ato e uma caminhada pelas ruas centrais da cidade.

Com um público estimado de 100 pessoas não se pode chamar o movimento de pequeno pois ele representa as primeiras pessoas que foram as ruas dizer que: Não precisamos, nem podemos voltar ao passado de autoritarismo representado pela Arena.

A opinião do Polenta News é que o nome do partido pouco importa (veja aqui). Na verdade a escolha do nome foi puro marketing de quem precisava ganhar 15 minutos de fama. Fora isso o que causa preocupação a qualquer cidadão lúcido é o programa fascista apresentado pelos dirigentes do partido.

Não sabemos se o partido conseguirá as assinaturas suficientes para o seu registro definitivo. Se conseguir, além de tudo de ruim que representa, poderá colocar a mão em uma parcela do Fundo Partidário, que não é pequeno. O 30º partido registrado no Brasil, e por consequência o que recebeu menos recursos, o PEN (Partido Ecológico Nacional), recebeu R$ 282 mil. Imagina esse valor todo na mão da Cibele e sua turma?

Só para lembrar. Se fosse no tempo da antiga Arena, essa história de fundar partido ia parar no porão do DOPS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com