Loteamentos Conquista e Vitória mais perto da regularização

Foto: ANDRÉIA COPINI
Dezesseis anos depois da ocupação, de duas áreas da extinta Cohab, os Loteamentos Conquista e Vitória, estão mais próximos de serem regularizados. Foi assinada na manhã de hoje (02)  a assinatura da escritura pública de compra e venda para o repasse das áreas ao Município. Foram repassadas do Estado para o a prefeitura de Caxias do Sul um total de 36 hectares ao custo de R$ 1,3 milhões (já descontados as benfeitorias realizadas pelo pode público e as dívidas que a Cohab tinha com a prefeitura).

A assinatura ocorreu no Salão Nobre do Centro Administrativo e contou com a presença do Prefeito Alceu Barbosa Velho, do secretário municipal da Habitação, Renato Oliveira, do secretário-chefe da Casa Civil adjunto, Roberto Nascimento, e do diretor do Departamento de Desenvolvimento Urbano da Secretaria Estadual de Habitação e Saneamento, Aurélio Froner.

O secretário-chefe da Casa Civil adjunto, Roberto Nascimento, ressaltou a parceria do Governo do Estado com o Município. “O Poder Público sempre se preocupou em levar habitação para a população de Caxias. Desejamos que essa parceria continue para melhorar a vida das pessoas. Parabéns a todos, principalmente aos moradores das áreas que estão sendo beneficiados”.

O Prefeito cumprimentou e agradeceu a todos que contribuíram para esse processo se realizar e destacou os investimentos já feitos nas áreas compradas. “O Município já investiu muito nessas áreas, porque sabia que esses lotes seriam das famílias que lá estão. Agora, o próximo passo é regularizar os lotes para que todos tenham a sua escritura na mão”. Alceu também ressaltou a parceria com o Governo do Estado.

Essa é uma importante vitória da luta iniciada pelos moradores há mais de uma década. No final dos anos 1990 era praticamente nulo o investimento em habitação. Programas como o Minha Casa Minha Vida não existiam e praticamente era inexistente os financiamentos para habitação popular. Foi nessa época que o Movimento Nacional de Luta pela Moradia começou a atuar em Caxias do Sul. A primeira ocupação realizada pelo movimento foi na área do Conquista. Logo em seguida foi a vez do Vitória.

Houveram tentativas de negociação das áreas tanto pelo poder público, quanto pelos moradores, mas sempre esbarrava na situação falimentar da Cohab. Finalmente, depois de muitos anos, o imbróglio foi resolvido.

Com informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Caxias do Sul

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mauro Pereira, fiel escudeiro de Eduardo Cunha na Câmara de Deputados

É um absurdo: Lasier Martins arranjou emprego para a namorada na Assembleia Legislativa

TV Caxias terá bens leiloados