Prefeitura de Caxias cometeu improbidade administrativa?

Fomos alertados, por um leitor de nosso blog, sobre o expediente, publicado na abertura do livreto de programação da 27ª Feira do Livro de Caxias do Sul. Veja a imagem abaixo (clique nela para ampliar).

O expediente traz como vice-prefeito, Alceu Barbosa Velho (PDT), que não é mais vice desde que renunciou para assumir uma vaga na Assembleia Legislativa. O leitor pode dizer que isso é uma coisa pequena, mas não é não. Nota-se aqui o pouco cuidado que se tem com a coisa pública. A Feira do Livro é um grande evento e de extrema importância, então dá para fazer certo, não precisa fazer errado.

Esse material foi confeccionado com recursos públicos e para isso há regramento a serem seguidos, um deles é a impessoalidade e a não promoção do gestor. E quando o gestor não é mais gestor?

Fica a pergunta, para alguém mais conhecedor da legislação, houve improbidade nesse caso? Provavelmente, se é, de fato, irregular, algum estagiário vai levar a culpa. É pagar, na verdade já pagamos, para ver.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mauro Pereira, fiel escudeiro de Eduardo Cunha na Câmara de Deputados

É um absurdo: Lasier Martins arranjou emprego para a namorada na Assembleia Legislativa

TV Caxias terá bens leiloados