CMTT aprova aumento de 8% para a passagem de ônibus

Na manhã de hoje o Conselho Municipal de Trânsito e Transportes aprovou o reajutes da passagem de ônibus urbano, táxi lotação e táxis. Na reunião foram apresentadas as planilhas de custos, porém o tempo para analisar as várias páginas de cálculos é sempre tão pequeno que a votação acaba sendo por afinidade. Como os representantes do governo e dos empresários são maioria, no conselho, os reajustes sempre são aprovados.

A passagem de ônibus urbano, da Visate, foi reajustada de R$ 2,70 para R$ 2,90, um reajuste de cerca de 8%. Com esse índice, durante o período do governo Sartori a passagem de ônibus subiu 81,25%, quase o dobro da inflação. Onze conselheiros votaram a favor desse aumento e dois votaram contra (os representantes do DCE e da UAB).

A tarifa do táxi lotação subiu de R$ 2,90 para R$ 3,10 e a bandeirada do táxi foi de R$ 4,50 para R$ 4,90.

Todos os reajustes devem passar por sanção do prefeito Sartori. O Polenta News adiantou que há uma possibilidade do prefeito, jogar com a torcida, e indicar um valor mais baixo (leia aqui), porém essa é uma possibilidade remota.

Para a Visate o grande culpado pelo valor da passagem de ônibus são os estudantes e os velinhos que usufruem de gratuidades (parciais ou totais). Porém o grande problema, na verdade, é que o grande contingente de trabalhadores, principalmente da industria, não utilizam o transporte público. O empresariado de Caxias não confia na Visate para que seus funcionários cheguem no horário, então é mais vantajoso contratar um transporte particular.

Porém o discurso da Visate pode ganhar eco no novo governo. Com ampla maioria na Câmara de Vereadores ficaria fácil aprovar o fim, ou a diminuição drástica, das gratuidades. É esperar para ver.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mauro Pereira, fiel escudeiro de Eduardo Cunha na Câmara de Deputados

É um absurdo: Lasier Martins arranjou emprego para a namorada na Assembleia Legislativa

TV Caxias terá bens leiloados