quinta-feira, 31 de outubro de 2013

PAC Mobilidade Urbana, do Governo Federal, vai financiar R$ 30 milhões em obras em Caxias do Sul

Corredor de ônibus com piso de concreto não terão mais
problemas de degrau
A Caixa Econômica Federal e a Prefeitura de Caxias do Sul assinam hoje financiamento para execução de R$ 30,2 milhões em obras via PAC Mobilidade Urbana. O município deve dar uma contrapartida de R$ 7,6 milhões. Os recursos serão usados prioritariamente para pavimentação de trechos urbanos, principalmente, os corredores de ônibus.

Três projetos foram contemplados em Caxias do Sul. Os corredores de ônibus da Sininbu (entre a Feijó Júnior e a BR 116) e o da Pinheiro Machado (entre a 13 de Maio e a Feijó Junior) serão totalmente reconstruídos e receberão uma estrutura de concreto, que é muitos mais durável.

Além disso o asfalto será refeito em outros trechos que recebem muito tráfego de ônibus mas que não tem corredor. É o caso da Avenida Itália, da Júlio de Castilhos (entre a BR-116 e a 13 de Maio) e trechos da Luís Michielon, Pinheiro Machado, Teixeira Mendes e 13 de Maio.

Haverá recursos também para a construção de duas estações de transbordo de passageiros, uma em São Ciro e a outra na Zona Norte que trabalharão em conjunto com a do Floresta e a do Imigrante, para a integração do transporte público. 

Por fim a rotula da Rota do Sol, que dá acesso ao Santa Fé, será reformulando. Essa é uma antiga reivindicação da comunidade local pois o local tem movimento intenso de veículos.

Caxias é uma das 1.198 cidades brasileiras que receberão recursos do PAC Mobilidade Urbana e Saneamento. Ao todo serão liberados R$ 13,5 bilhões. No Rio Grande do Sul foram 166 municípios contemplados.

Em 2014, graças a pesados investimentos e financiamentos que só são possíveis por que a Caixa Econômica Federal não foi privatizada e o Governo Federal disponibiliza grandes somas de recursos, o centro de Caxias do Sul vai virar um canteiro de obras. Isso acarretará muitos transtornos, mas que são totalmente necessários para as melhorias que serão implantadas.

Dessa vez as obras não serão apenas decorativas, como as que foram feitas na Sininbu no ano passado e mudarão significativamente o trânsito no centro da cidade. As principais mudanças serão sentidas no transporte público.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com