terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Cibele não é mais a presidenta nacional da Arena - Atualizado em 26/02

Com atualizações em destaque.

Uma postagem lacônica no seu perfil do Facebook a presidente nacional da Arena anuncia a sua renúncia da direção nacional do partido.



Cibele Bumbel Baginski a estudante de direito, que tem bolsa do ProUni, que se diz de direita e contra qualquer tipo de bolsa e auxílio, ganhou notoriedade ao lançar a proposta de refunda a Arena (Aliança Renovadora Nacional), partido que deu sustentação política a ditadura militar no Brasil.

Cibele saiu na Veja, Folha de São Paulo e foi aclamada pelos mais variados representantes da direita brasileira. Contudo o seu plano de refundar a Arena falhou desastrosamente. A proposta lançada no final de 2012 não conseguiu atingir o número mínimo de assinaturas para conseguir o registro como partido. E mais, ainda houveram enormes brigas internas que resultaram na expulsão de seu tesoureiro nacional.

Para completar, Cibele abriu uma outra frente de atuação política. Em agosto de 2013 ela foi vice presidente municipal do PTN, Partido Trabalhista Nacional (Cibele deixou a direção do PTN no final do mês de agosto de 2013 logo após as reportagens sobre o assunto)  . Os problemas não pararam aí. Em outubro a Polícia Federal abriu investigação para averiguar a falsificação de assinaturas, colhidas em Caxias do Sul, para apoiamento do registro da Arena (veja aqui).

No lugar de Cibele assume Kleber Busch (juro que não é trocadilho). Ele é paulista e ardoroso defensor da intervenção militar no Brasil. Seu radicalismo de direita, longe de conseguir adquirir mais adeptos a sua causa, deverá enterrar de vez essa aventura. Isso é tão realidade que as várias referência que o Polenta News pesquisou para confirmar a situação atual da Arena mostram postagens para a construção do Partido Novo, que se intitula "legitimo partido de direita".

O site da Arena está fora do ar. A postagem da renúncia de Cibele obteve somente 17 comentários e 1 compartilhamento. Ao que parece esse monstro da política está enterrado, mas nada impede que ele vire um zumbi e renasça das profundezas.

6 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Seu radicalismo de direita, longe de conseguir adquirir mais adeptos a sua causa, deverá enterrar de vez essa aventura. "

    lol voces da esquerda realmente vivem dentro de uma bolha ideologica totalmente inpermeavel a realidade que os rodeia .

    "radicalismo" nao tem apelo popular é ? entao como vossa jumentissidade explicaria isto :
    https://m.facebook.com/jairmessias.bolsonaro/?ref=ts&fref=ts

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bolsonaro é um simples demagogo entreguista se fosse realmente um fascista ou ns eu daria total apoio

      Excluir
  3. Gosto muito da história desse partido, embora não concordo que ele volte com os mesmos ideais dos primordios. Até me proponho a recriar o Arena, mas sem ser extremista e ter ideologías surreais. Pelo que vejo não há nenhum grupo querendo voltar com o partido Arena.

    ResponderExcluir
  4. Gosto muito da história desse partido, embora não concordo que ele volte com os mesmos ideais dos primordios. Até me proponho a recriar o Arena, mas sem ser extremista e ter ideologías surreais. Pelo que vejo não há nenhum grupo querendo voltar com o partido Arena.

    ResponderExcluir
  5. Essa cibele pode não ter ganhado a liderança do partido mas ganhou meu coração :3 mto linda, mesmo sabendo que o governo militar me perseguiria kskk

    ResponderExcluir

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com