segunda-feira, 17 de março de 2014

Pioneiro e boa arte de desinformar o leitor

Quem acessar o site do Pioneiro receberá a seguinte informação sobre a paralisação de três dias do magistério público estadual:

"Professores entram e greve de três dias e escolas de Caxias do Sul estão sem aula."

Veja um recorte da página abaixo:

Em letras garrafais a manchete do jornal dá a entender que todas as escolas (não só as estaduais) estão sem aula. Na linha de apoio, abaixo do título, fala que o "Cristóvão de Mendoza, Evaristo De Antoni e Emílio Meyer, paralisaram as atividades". Somente três escolas. 

E as demais? 

Ao clicar no título abre-se a reportagem que começa com a seguinte frase :"Algumas escolas de Caxias do Sul estão com as aulas paralisadas na manhã desta segunda-feira.". Agora são algumas apenas?

Qualquer eleitor com o mínimo de senso crítico ira se questionar: 

Afinal quantas escolas aderiram a paralisação? São todas como diz a manchete, são apenas três como diz a linha de apoio ou são apenas algumas como diz a matéria?

Como é possível uma publicação tão pequena apresentar tantas contradições? A resposta é simples. É a boa arte de desinformar praticada pelos grupo RBS e seus seguidores. Não importa os fatos e sim a manchete.

2 comentários:

  1. E, na versão deles, malditos sejam os professores que ousarem lutar por direitos salariais ou dignidade no trabalho. Depois a qualidade na educação despenca e ninguém sabe por que.

    ResponderExcluir

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com