segunda-feira, 21 de julho de 2014

Disputa pelo Senado está empatada, segundo Ibope

A pesquisa Ibope/RBS mostra que a disputa para o Senado será acirrada e, será polarizada. A entrada do ex-governador Olívio Dutra (PT) na disputa chacoalhou o quadro da disputa do Senado que estava monopolizado pelo neo pedetista, Lasier Martins (PDT).

O Ibope, desse final de semana, mostra um empate técnico entre Lasier Martins, que teria 31% das intenções de votos e Olívio Dutra com 28%. Como a margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos, os dois candidatos estão empatados.

Bem mais para trás vem Beto Albuquerque (PSB) com 10%, seguido de Simone Leite (PP) com 3%; Júlio Flores (PSTU), com 2%; Ciro Machado, com 1% e Rubens Goldenberg (PRP) que aparece sem intenções de voto. Ainda houveram 9% dos eleitores que declararam votar em branco ou nulo e 16% declararam que não sabem em quem vão votar.

Lasier Martins acreditava que sua eleição estava garantida, mesmo com a possibilidade de Pedro Simon (PMDB) concorrer a reeleição. E, realmente estava garantida. Isso é o que mostrava a pesquisa de abril desse ano. Dependendo o cenário, Lasier tinha de 38% a 45% das intenções de votos (veja aqui). O segundo melhor colocado era Simon, seguido de Emília Fernandes (PCdoB). Com a troca de Emília por Olívio a intenção de votos em Lasier despencou e deixou o quadro em aberto.

Outro fator é que a intenção de votos tanto em Olívio quanto em Tarso (31% segundo o Ibope) são muito parecidas, ou seja, uma campanha está puxando a outra. Bem diferente da campanha para governador do PDT, onde Vieira da Cunha tem 2% - o candidato ao Senado não puxa voto para governador.

A mesma coisa acontece em relação a Ana Amélia e sua candidata ao Senado, Simone Leite. Enquanto Ana Amélia tem 38% das intenções, Simone tem 3%.

Esses dados reforçam a ideia de que, tanto os eleitores de Tarso, quanto os de Olívio, são mais fieis e seriam menos propensos a mudar de voto. Quando a propaganda eleitoral no rádio e televisão começar o quadro pode mudar, e muito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com