sexta-feira, 13 de março de 2015

Milhares se manifestam, pelo país, contra o Golpe e em defesa da Democracia

São Paulo reuniu o maior número de participantes
A jornada de manifestações em defesa da democracia e contra o golpe, que começou em Porto Alegre ontem, 12, e que reuniu 10 mil pessoas (veja aqui), aconteceu em todo o país nessa sexta feira 13.

Foram 33 cidades em praticamente todos os estados (ficaram de fora Rondônia e Roraima). Ao todo, um público estimado entre 100 mil e 150 mil pessoas manifestaram sua contrariedade as tentativas de impeachment da presidenta Dilma e em defesa do processo democrático. Na maioria das cidades o movimento também foi em defesa de Petrobras.

São Paulo concentrou o maior número de pessoas. Na Avenida Paulista mais de 50 mil pessoas participaram do movimento. Em todo o Brasil o movimento foi pacífico e ordeiro. Somente em Brasília um provocador tentou passar pelo meio do protesto que reunia mais de 3 mil pessoas. Ele foi retirado pela polícia militar.

Nos diversos atos pautas locais também foram contempladas principalmente, a exemplo de Porto Alegre, por parte dos professores. Alguns sindicatos manifestavam contrariedade a algumas medidas do governo porem eles era unanimes em afirmar que o caminho para a resolução de divergências era a negociação.

Ato em Caxias


Caxias do Sul também entrou no circuito de manifestações. O ato, na cidade, reuniu cerca de 300 pessoas e se concentrou na Praça Dante. Entre os cartazes haviam dizeres pela reforma política, contra o impeachment e até uma ironia para quem acredita em tudo que lê no Whattsapp.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com