Até a Casa Viva Rachel foi terceirizada

Há muito tempo o Polenta News alerta

sobre a decadência dos serviços de assistência social no município. Ao longo dos últimos anos, diversos programas foram fechados ou repassados a terceiros.

A partir de hoje o Projeto Mão Amiga será responsável pela Casa Viva Rachel. A Casa Viva Rachel foi criada em 1999, durante a gestão do então Prefeito Pepe Vargas e é uma das poucas unidades do Estado que acolhe mulheres vítimas de violência ameaçadas de morte.

É um absurdo que este, assim como outros programas, sejam repassados a terceirizados. O Governo Alceu apresenta sua face neoliberal ao estabelecer o estado mínimo, se livrando de sua responsabilidade social.

O acolhimento de mulheres violentadas, ameaçadas de morte é um serviço de alta complexidade, um trabalho muito delicado, que deveria ser acompanhado de perto pelo Estado. Repassar a terceiros um programa desta envergadura é atestar incompetência e descaso com um problema social que atinge centenas de mulheres diariamente em nosso município.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mauro Pereira, fiel escudeiro de Eduardo Cunha na Câmara de Deputados

É um absurdo: Lasier Martins arranjou emprego para a namorada na Assembleia Legislativa

TV Caxias terá bens leiloados