terça-feira, 19 de maio de 2015

Líder do "Vem pra Rua" mata trabalho e vai pra rua

Líder de um dos movimentos contra a presidenta Dilma Rousseff, que se diz apartidário, Armando Fontoura é filiado ao PSDB, foi inclusive eleito secretário municipal do partido em Vitória no último domingo. Mas ele tem outra característica na sua vida pregressa, batia o ponto e não ia trabalhar. 
Fontoura aparece em um vídeo em 2013, e só divulgado agora pelos seus correlegionários, onde ele é flagrado por câmeras de Câmara Municipal de Vereadores de Vitória batendo ponto de bermuda, camiseta, sandálias e óculos escuros e indo embora sem trabalhar. 

O resultado, da fugidinha, custou o seu emprego. Questionado pelo jornal A Tribuna sobre se sua conduta, enquanto assessor, condizia com o que prega nas ruas, Fontoura respondeu: "Minha luta sempre foi pública e quem me conhece sabe que eu não coaduno com nenhum tipo de malfeito". Resposta padrão que se viesse de outra pessoas, Fontoura diria que é desculpa de político.
No último domingo Fontoura teria feito mais uma atitude muito diferente do que aquelas que ele esbraveja vestido com a camiseta da CBF. Ele teria fraudado a eleição interna do PSDB. Segundo integrantes do partido que fizeram a denúncia, Fontoura filiaou várias pessoas de sua família para participar da eleição. O Armando conseguiu filiar pessoas que nunca tiveram ligação com o PSDB. Ele ligou para os parentes irem votar. Teve gente que foi votar de pijama", contou Bárbara Kuster, 25. 

Com informações do Brasil 247

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com