quinta-feira, 16 de julho de 2015

Câmara de Vereadores aprova reajuste salarial para prefeito e secretários

Por 17 votos a 4 a Câmara de Vereadores de Caxias do Sul aprovaram um reajuste salarial de 5,26% nos salários do prefeito, vice e secretários municipais. Com isso o salário do prefeito Alceu Barbosa Velho subirá mais de mil reais, ele vai de R$ 21.529,01 para R$ 22.661,43. O salário do vice prefeito, Antonio Feldmann passará de R$ 15.078,52 para 15.871,65 e os secretários terão seus salários aumentados de R$ 13.466,88 para R$ 14.174,23.

O projeto é de autoria da mesa diretora da Câmara de Vereadores, o que é estranho, já que a atribuição seria do Executivo. A Câmara só deve aprovar os reajustes salarias de uma legislatura para outra. A medida é uma clara atitude para evitar desgastes ao Prefeito Municipal

O assunto foi tratado com bastante discrição pela mídia, bem diferente de outros anos. E, dessa vez, tem um agravante apontado pela vereadora Denise Pessôa (PT), no final de 2014 o prefeito Alceu Barbosa Velho assinou um decreto determinando medidas de contenção de despesas, entre elas a não aplicação dos reajustes salariais recebidos pelos servidores públicos.

Como a correção trimestral dos salários dos servidores está mantida o prefeito e CCs não receberam os últimos reajustes. A medida servirá para reajustar os salários, mesmo contrariando o prório decreto do prefeito.

Flávio Cassina (PTB) presidente da Câmara, chegou a afirmar que o reajuste não tem impacto orçamentário. De alguma maneira os técnicos ouvidos conseguiram provar que gastar mais dinheiro não significará gastar mais dinheiro.

Na votação somente os três vereadores do PT e o vereador Daniel Guerra (PRB) votaram contra o reajuste. Renato Nunes votou favorável mas espera que o prefeito vete. Os outros vereadores pertencem a bancadas que tem cargos de confiança no govenro, obviamente o desejo de ajudar os companheiros de partido falou bem mais alto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com