quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Dilma para Sartori: audiência só com propostas concretas

Toda a estratégia adotada pelo governador Sartori (PMDB) é fazer parecer que os problemas do Rio Grande do Sul não são responsabilidade dele. A mais recente armadilha direcionada a passar a crise, criada por Sartori, para a presidenta Dilma foi desarmada. 

Segundo informações da jornalista Renata Colombo, da Rádio Gaúcha, a presidenta só receberá o governador Sartori quando ele tiver de fato um pedido ao Governo Federal. 

Os pedidos feitos até agora pelo governador peemedebista são vagos e não tem foco. Sartori, por exemplo,não pediu mais prazo para pagar a parcela da dívida ou adiamento de repasses. O governador se limita a pedir agenda. 

Nessas condições o Palácio do Planalto acredita que uma audiência não teria muito sentido. Ontem o Tesouro Nacional bloqueou os repasses ao governo do estado pelo não pagamento da parcela da dívida, que foi negociada pelo governo Britto (PMDB). 

A falta de atitude do governador está estagnando o estado. Fica cada vez mais claro que eleger um governador sem nenhuma proposta foi uma péssima ideia. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Somos responsáveis, mesmo que indiretamente, pelo conteúdo dos comentários. Portanto textos que contenham ofensas, palavrões ou acusações (sem o fornecimento de provas) serão removidos. Se quiser falar algo que necessite de anonimato use o email polentanews@gmail.com